Cirurgia Plástica

Cirurgia Plástica

 

plastica

A cirurgia plástica hoje em dia é um tema muito procurado pelas pessoas, basta ver as várias discussões em redes sociais sobre a estética e suas particularidades. É importante que todos saibam que existem muitos mitos e fake news sobre a cirurgia plástica e essas situações acabam causando muita polêmica que queremos discutir.
Uma das discussões é sobre a cirurgia plástica estética e reparadora. Na realidade a especialidade é uma só, para que um médico adquira o título de especialista é necessário que ele termine o curso de medicina que dura 6 anos e após este período presta uma prova para ingressar na residência médica que dura mais 5 anos. A formação de um cirurgião plástico leva longos e duros 11 anos. Na residência se aprende a realizar reconstruções complexas de varias órgãos como no caso de câncer de mama, queimaduras etc assim como as cirurgias chamadas estéticas . A cirurgia estética surgiu através destas complexas reconstruções, aproveitando- se  as técnicas conhecidas na reconstrução para se realizar cirurgias estéticas.
Portanto quando explicamos que o cirurgião  plástico com titulo de especialista reconhecido pela sociedade brasileira de cirurgia plástica, isso se refere a uma pessoa que passou no mínimo 11 anos se aperfeiçoando e após este período prestou uma prova difícil que engloba prova escrita e oral para a obtenção deste titulo. A especialização em cirurgia plástica então requer muita dedicação e preparo para tal e eventuais casos mais complexos da cirurgia plástica a formação completa tanto na área reparadora como estética torna- se primordial. Em nosso meio , por estes motivos procuramos não dividir as áreas em estética e reparadora, pensamos como uma especialidade única e indivisível . Ao procurar um cirurgião plástico é realmente importante checar a formação do médico, se ele passou por todo o período de formação porque existem profissionais que tem uma formação insuficiente para se realizar cirurgias que requerem muito conhecimento e experiencia para que se reduzam  os riscos que já são inerentes das próprias cirurgias.
Elas se dividem em dois ramos. As cirurgias plásticas estéticas e as cirurgias plásticas reparadoras.
Nas cirurgias estéticas são realizados procedimentos em várias partes do corpo: nas orelhas, abdômen, seios, braços entre outras partes.

Atualmente as cirurgias estéticas mais procuradas são lipoaspiração e mamoplastia de aumento, ou seja, o implante de próteses mamárias para o aumento dos seios.

Nas cirurgias reparadoras são realizados procedimentos em inúmeras partes do corpo. Onde houver algum tipo de problema que tenha que ser feita alguma correção ou quando o paciente tenha algum problema congênito.

 

WhatsApp chat